Por que isso é importante?

Organismos Geneticamente Modificados (OGM) são organismos cujo material genético foi alterado. Os OGMs foram largamente desenvolvidos e comercializados porque facilitam a proteção da cultura oferecendo uma maior resistência a doenças e vírus. Regulamentações nacionais e internacionais definem as regras de comercialização. Alguns países não tem nenhuma restrição, enquanto outros tem disposições regulamentares para alimentos GM, relativas à saúde e aos riscos ambientais. Na UE, a Diretiva (UE) 2015/412 permite a cada estado membro limitar ou proibir a cultura de OGMs em seu país. Além disso, os fabricantes devem demonstrar o cumprimento dos limites regulamentares (regulamentações (CE) 1829/2003 e 1830/2003 relativas à rotulagem de alimentos e rações contendo organismos geneticamente modificados (OGMs) e Lei 2008/595 sobre Organismos Geneticamente Modificados (OGMs)). Fabricantes e varejistas devem garantir a rastreabilidade das matérias-primas para cumprir os requisitos desta regulamentação. Contaminações acidentais podem ocorrer durante o processo de produção, portanto controles devem ser implementados para garantir a ausência de OGMs no produto final.

Além do mais, a conscientização do público em relação aos organismos transgênicos está aumentando. Os consumidores se interessam cada vez mais pelos produtos alimentícios e processos de produção isentos de OGMs (por ex. nas rações).

Como a Upscience te pode ajudar?

A Upscience lhe oferece a análise, identificação e quantificação de OGMs. Nossos peritos também estão disponíveis para o apoiar, fornecendo uma formação sobre gerenciamento dos riscos e planos de controle.

ANALISES RELACIONADAS